Turma da bleia
Compartilhar Post
24
Apr
Smile
GOSTOU?
COMPARTILHE NAS REDES!

Já imaginou o que aconteceria se tratássemos a nossa Bíblia do jeito

que tratamos o nosso celular?
E se sempre carregássemos a nossa Bíblia no bolso ou na bolsa?
E se déssemos uma olhada nela várias vezes ao dia?
E se voltássemos para apanhá-la quando a esquecemos em casa, no escritório… ?
E se a usássemos para enviar mensagens aos nossos amigos?
E se a tratássemos como se não pudéssemos viver sem ela?
E se a déssemos de presente às crianças?
E se a usássemos quando viajamos?
E se lançássemos mão dela em caso de emergência?

Ao contrário do celular, a Bíblia não fica sem sinal. Ela ‘pega’ em
qualquer lugar.
Não é preciso se preocupar com a falta de crédito porque Jesus já
pagou a conta e os créditos não têm fim.
E o melhor de tudo: não cai a ligação e a carga da bateria é para toda a vida.
‘Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está
perto’! (Is 55:6)*

Pare e Pense como está sua vida cristã?

Smile
GOSTOU?
COMPARTILHE NAS REDES!
Compartilhar Post
21
Apr
Smile
GOSTOU?
COMPARTILHE NAS REDES!

“Como o post anterior falou sobre galinha segue nesse post uma ilustração interessante, não sei se é o mesmo galinheiro do Pr Paulo roberto, mas é uma história para refletir”

 

Numa granja, uma galinha se destacava entre todas as outras por seu espírito de aventura e ousadia. Não tinha limites e andava por onde queria. O dono, porém, estava aborrecido com ela. Suas atitudes estavam contagiando às outras, que já a estavam copiando.

Um dia o dono fincou um bambu no meio do campo, e amarrou a galinha a ele, com um barbante de dois metros. O mundo tão amplo que a ave tinha foi reduzido a exatamente onde o fio lhe permitia chegar. Ali, ciscando, comendo, dormindo, estabeleceu sua vida. De tanto andar nesse círculo, a grama dali foi desaparecendo. Era interessante ver delineado um círculo perfeito em volta dela. Do lado de fora, onde a galinha não podia chegar, a grama verde, do lado de dentro, só terra.

Depois de um tempo, o dono se compadeceu da ave, pois ela, tão inquieta e audaciosa, era agora uma apática figura. Então a soltou.

Agora estava livre! Mas, estranhamente, a galinha não ultrapassava o círculo que ela própria havia feito. Só ciscava dentro do seu limite imaginário. Olhava para o lado de fora, mas não tinha coragem suficiente para se aventurar a ir até lá. E assim foi até o seu fim.

Nascemos tendo nossos horizontes como limite, mas as pressões do dia-a-dia fazem com que aos poucos nossos pés fiquem presos a um chão chamado rotina. Há pessoas que enfrentam crises violentas em suas vidas, sem a coragem de tentar algo novo que seja capaz de tirá-las daquela situação. Admiram os que têm a ousadia de recomeçar, porém, elas próprias buscam algum culpado e vão ficando dentro do seu “círculo”.

 

O mercado sempre coroa com reconhecimento àqueles que inovam, criam, chamam a atenção.

 

O segredo do sucesso está na criatividade. Criar é pôr em prática algo que não existe. É correr o risco. Isto é fato, mas como se poderá saber o final da história se não se caminha até o fim?

Smile
GOSTOU?
COMPARTILHE NAS REDES!
Compartilhar Post
18
Apr
Smile
GOSTOU?
COMPARTILHE NAS REDES!

por Pr. Robson Brito

Preguei a mensagem abaixo, 4° dia da EBO de Londrina. Tive a grata satisfação de mais uma vez ser convidado, pelo meu amigo Pr. Moysés Ramos, para ensinar na abençoadora EBO da Assembleia de Deus de Londrina. Vim ministrar e saí ministrado. Como faz bem para alguém que se dedica ao ensino da Palavra ver diante de si um auditório ávido por conhecer mais do Pai e de sua Revelação, um povo que presta atenção nas aulas, que faz anotações, que manda perguntas, que nos questiona nos intervalos. Este é o maior incentivo de um ministrante: Ver o desejo dos seus alunos “crescerem na graça e no conhecimento do Senhor”, obedecendo ao mandamento apostólico. Em pleno dia de semana, mesmo que seja em julho, ter cerca de mil pessoas com a excelente atitude de desejar atentamente assimilar o ensino bíblico, mostra que a Assembleia de Deus de Londrina e região vivem um avivamento. Glória ao nome do nosso Pai celestial! Parabéns Pr. Moysés, Ministério e toda a igreja do Senhor! Coloquem em prática o que Cristo nos ministrou e cumpram a missão de Deus na face da Terra! – Pr Robson Brito, Presidente do Campo Eclesiástico da AD de Maringá- PR e professor da disciplina de Apologética na EBO de Londrina.

Continue Lendo »

Smile
GOSTOU?
COMPARTILHE NAS REDES!
Compartilhar Post
17
Apr
Smile
GOSTOU?
COMPARTILHE NAS REDES!

Muitas pessoas tem um emprego pior que o seu…. veja o sacrifício deste rapaz no seu emprego…

Smile
GOSTOU?
COMPARTILHE NAS REDES!
Compartilhar Post
17
Apr
Smile
GOSTOU?
COMPARTILHE NAS REDES!

Antes de ver o vídeo, uma sugestão: veja algumas fotos da igreja subterrânea da China que postei no Blog: www.china4Jesus.blogspot.com. Garanto que o Espírito Santo vai tocar você. São fotos que falam por um sermão.

Aqui está uma amostra: são mais de 200 fotos. As outra estão no link acima.
Os endereços dos documentários estão logo abaixo.

Amostra das fotos.

VÍDEODOCUMENTÁRIOS.

Melhor visualização em conexão de banda larga
espere baixar alguns minutos para depois assistir. Assim não fica travando.

Clique nos links:
.
Jesus in Chine 1
.
Jesus in Chine 2
.
Jesus in Chine 3

Os vídeos em língua francesa, mas as cenas falam por si.

Smile
GOSTOU?
COMPARTILHE NAS REDES!
Compartilhar Post
13
Apr
Smile
GOSTOU?
COMPARTILHE NAS REDES!

Um jovem cumpria o seu dever cívico prestando serviço ao exército, mas era ridicularizado por ser cristão. Um dia o seu superior hierárquico, na intenção de humilhá-lo na frente do pelotão, pregou-lhe uma peça…
– Soldado Coelho, venha até aqui!
– Pois não Senhor.
– Segure essa chave. Agora vá até aquele jipe e o estacione ali na frente.
– Mas senhor, o senhor sabe perfeitamente que eu não sei dirigir.
– Soldado Coelho, eu não lhe perguntei nada. Vá até o jipe e faça o que eu lhe ordenei…

– Mas senhor, eu não sei dirigir!

– Então peça ajuda ao seu Deus. Mostre-nos que Ele existe.

O soldado não temendo, pegou a chave das mãos do seu superior e foi até o veículo. Entrou, sentou-se no banco do motorista e imediatamente começou sua oração. “Senhor, tu sabes que eu não sei dirigir. Guie as minhas mãos e mostre a essas pessoas a sua fidelidade. Eu confio em Ti e sei que podes me ajudar. Amém.”
O garoto, manobrou o veículo e estacionou perfeitamente como queria o seu superior. Ao sair do veículo, viu todo o pelotão chorando e alguns de joelhos…
– O que houve gente? – perguntou o soldado.
– Nós queremos o teu Deus, Coelho. Como fazemos para tê-lo? Perguntou o seu superior.
– Basta aceitá-lo como seu Senhor e Salvador. Mas porque todos decidiram aceitar o meu Deus?
O superior pegou o soldado pela gola da camisa, caminhou com ele até o jipe enxugando suas lágrimas. Chegando lá, levantou o capô do veículo e o mesmo estava sem o motor!

Smile
GOSTOU?
COMPARTILHE NAS REDES!
  • Enquete

    Você dá o dizimo ?

    View Results

    Loading ... Loading ...
  • Links TecnoGospel

  • ASSINE NOSSO FEED

    Receba as atualizações do site diretas em seu email, assine nosso feed:
  • SIGA-NOS NAS REDES
    Turma da bleia
    © Todos os direitos reservados 2014 - Turma da bleia